quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Pequeno-almoço

Olá pessoal.

Hoje não tenho assim nada em concreto sobre o que escrever, então vou falar sobre o meu estilo de vida logo pelo acordar.

Para quem não me conhece, eu, apesar de ser super magro, adoro comer e por mim passava a minha vida toda a comer (intercalando com beber e dormir).

Desde que comecei a ganhar o hábito de tomar um bom pequeno-almoço pela manhã não consigo sair de casa sem o fazer.

É claro que há dias que vacilo, principalmente aqueles em que sei que não vou fazer nenhum até à hora do almoço, e fico-me só pelo copo de café, mas, e principalmente quando faço o turno da manhã no meu trabalho que começa às 7:45, o meu pequeno-almoço é o seguinte.
O meu pequeno-almoço habitual.
Portanto, vou começar pelo indispensável: CAFÉ. É verdade, se não tomar café de manhã, é certo que o meu dia não vai correr bem. De preferência que seja café de saco, porque quanto mais puro melhor. Se não houver, o de mistura de cereais também serve.

Como às 7 da manhã não vou sair de casa para ir comprar pão, uso sempre duas fatias de pão de forma integral e junto duas fatias de peito de frango fatiado e, por vezes queijo em barra. (Estou a tentar livrar-me dos laticínios).

Outra coisa que não pode faltar é o queijo fresco. Sou mesmo viciado em queijo fresco, é o único derivado do leite que não consigo deixar. Há quem não goste, quem não consiga comer de manhã; se não houver de manhã, fico mesmo deprimido.

Depois, ou como uma peça de fruta, fresca ou enlatada (em sumo natural, SEMPRE), ou bebo um sumo de laranja daquelas embalagens que dizem ser 100% sumo e que se vendem na zona dos frescos nos supermercados. Hoje como estava a pensar falar sobre isto é que juntei o ananás e o sumo de laranja.

No inicio custa um pouco comer tanto, mas a verdade é que se estivermos num hotel comemos e comemos até não poder mais.

O problema está em de manhã antes de metermos energia no nosso corpo, ter vontade de fazer seja o que for. E eu não sou exceção, portanto resolvi isto com um truque:

No dia anterior deixo tudo já preparado, ou seja, na manhã seguinte é só chegar ao frigorífico, pôr tudo em cima da mesa e começar a comer.

Desde que comecei a tomar atenção ao que me diziam que o pequeno-almoço é a refeição mais importante do dia, digo-vos por experiência própria que se comerem bem de manhã, os desejos e tentações que se têm ao longo do dia desaparecem e andam muito mais bem dispostos.

No entanto como eu tenho um metabolismo à velocidade da luz, passado hora e meia já tenho a barriga a pedir-me mais. Mas cada um tem uma maneira própria de funcionar.

Pronto e é isto. Espero que sirva de alguma coisa, ou se não servir, ao menos partilhei algo que acho importante para mim, já que comer como disse em cima é dos meus desportos favoritos.

Até a próxima.
Enviar um comentário